Publicado en Poetisa

Morreu…

Morre

de raivas,
de desprezos,
de desilusões.

Morrem com dores…

Morre

de angústias,
de mágoas,
de traições.

Morrem com sofrimentos…

E continuam vivos!.

Com latentes e lamentos, com emoções e ressentimentos. Eles continuam…

Nós, continuamos vivos.

traído e doído

Arte: Dellamorteco

Sigue leyendo “Morreu…”