01 – Poinsétia – Flor do Natal

PoinsétiaEuphorbia pulcherrima (Euphorbiaceae).

O nome científico, significa “a mais alegre”, “a mais bonita”, ou seja, “a mais bonita das eufórbias”, em tradução literal, mas, na simbologia espiritual remete pureza, vivacidade, justiça e inteligência.

Conhecida popularmente como Bico-de-papagaio, Flor-de-são-joão, Flor-do-fogo, Rabo-de-arara, Cardeal, Flor-do-natal, ou Estrela-do-natal.

Origem da Flor
Originada na América Central, por volta de 1825, mais especificamente da região de Taxco del Alarcon, denominada pelos astecas de “cuetlaxochitl“, a planta era vista como símbolo da pureza, associava-se a cor vermelha da poinsettia ao vermelho do sangue e do sofrimento dos sacrifícios.

O povo asteca usava para a produção de tintas na cosmética e tingimento de tecidos, além da seiva na produção de medicamentos para tratamenro de pele e combate a febre. Atualmente, alguns exemplares da planta tem uso como essência floral, ajudando nas dificuldades em expressar emoções.

A Flor Natalina

Continua leyendo “01 – Poinsétia – Flor do Natal”

Enfleurage


“Para qualquer hora, um sorriso na cor da manhã!”


Sinta o leve perfume da flor pousada no bosque da cidade.

Que hermosa és! Observa.


Bia Novo

Bafejo suavíssimo do aroma delicado.

É a flor, que brotou nas antigas madeiras do cais.

Pega, colha a flor. E por gentileza, fotógrafa a simetria resistente e intacta.


Leonardo Coutto

Leva-a para casa, providência um copo com água, cheio, vazio, tanto faz, viverá poucos dias.

Pega um lápis, o papel da carta nunca escrita e retrata a flor da madrugada.


Bia Novo

Ou registra um verso para a poesia da primavera, escreva na pele, imprima na alma.

Agora, ferva a água. Faça um chá, degusta do esplêndido sabor da manhã.


Leonardo Coutto

Ou coma da flor, na salada ou no cupcake da festa de cumpleaños, com direito a tônica, amigos e pôr do sol repleto de bênçãos e esperanças.


Marina Reis

É flor comestível, de sabor agradável?

Cuidado, algumas são tóxicas. Certifica-se, não morra!


Leonardo Coutto

A flor, continua no copo, na mesa da cozinha, jogada no canto da pia?


Leonardo Coutto

Olha, a beleza das pétalas, a luz da cor, ainda enfeita a noite. Sorria!


Leonardo Coutto

Mas, ela murchará, na manhã seguinte ao zelo, despedaça-a.

Sem essa de mau te quer, extraia. É sublime.

Destila, suga o exímio das notas.

Ou aja na frieza francesa, enfleurage!


Bia Novo

Por obséquio, enterra os restos mortais em adubo fértil.


📌Dia do Florista, parabéns!


Marina Reis

Um vendedor de flores/Ensinar seus filhos a escolher seus amores.”


🌵🌼📷 Imagem dos Floristas Profissionais:

Marina Reis | Leonardo Coutto |

Bia Novo